Busca:

Francisco e Fabiano



Dados Artísticos

Dupla sertaneja. Cantores.Compositores. Inicicaram a carreira artística em meados dos anos 1970. Contratados em 1979 pela RCA Camden, lançaram o LP "Francisco e Fabiano", no qual interpretaram músicas de composição da própria dupla como "Vou viver a chorar", de Fabiano e Celcino Silva, "Mundo ingrato", de Fabiano e Jota Marques, "Peão e boiada", de Fabiano e Celcino Silva, "O amor rico e o amor pobre", de Fabiano e José Raimundo, "Desilusão", de Fabiano e Celcino Silva, "Só de pensar em te perder", de Fabiano e Delmário, "Presente e passado", de Fabiano e Celcino Silva, e "Volte para mim" e "Meu regresso", de autoria da dupla, além de composições de autores consagrados como "Passageiro da terra", de Compadre Lima e Mabel, "Águas do Amazonas", de Praense e Compadre Lima, e "Oração e prece", de Ronaldo Adriano e Julião Saturno. Com a carreira em ascensão, foram contratados pela Chantecler no começo da década de 1980, e lançaram o LP "O homem e a natureza" em 1982, trazendo várias obras de autoria da dupla como "Ama-me", "Fim de romance", e "Dois corações abandonados", as três de Fabiano, "Louca paixão" e "O homem e a natureza", de Fabiano e Francisco, "Tarde demais", de Fabiano e Joel Marques, "Aceito sugestões", de Alceu Bigatto, Fabiano e Francisco, e "Conflitos de casal", de Fabiano e Loadir Verzinassi, além de obras de autores reconhecidos no meio sertanejo como "Subir descendo", de Julião e Haroldo José, "O canto da araponga", de Nonô Basílio, "O barco-jovem", de Jack e Abel, e "O sem vergonha sou eu", de Nonô Basílio e Wanderley Basílio. Em 1985, lançaram outro LP pela Chantecler no qual priorizaram gravar obras de outros autores como "Milagre da flecha", de Moacyr Franco e Marcos Silvestre, "Eu e você" e "Meu jeito de amar", de Cristiane e Cleyton, "Pranto amargo", de Miltinho Rodrigues e Benedito Seviero, "Sinos", de José Fortuna e Carlos Cézar, e "Casa deserta", de Pinochio e Maracaí, sem deixar contudo de registrar composições próprias como "Quando o amor acontece", de Fabiano e Milton José, "Comentários", de Fabiano e J. Pinto, e "O canto do acauã", de Fabiano. A dupla fez apresentações em rodeios, esposições agropecuárias e rádios, dissolvendo-se em fins da década de 1980.

Mais visitados
da semana

1 Chico Buarque
2 Mumuzinho
3 Festivais de Música Popular
4 Milton Nascimento
5 Gilberto Gil
6 Noel Rosa
7 Dorival Caymmi
8 João do Vale
9 Caetano Veloso
10 Torquato Neto